Publicado por: Wally | Quarta-feira, Março 19, 2008

Alvin e os Esquilos

alvin-and-the-chipmunks-2.jpg
Entre a nostálgia e o burocrático

Dave Seville é um fracassado compositor que não consegue trabalho e enfrenta dificuldades criativas, tudo a ser mudado quando ele se depara com três esquilos carentes e falantes que o surpreende, cujos talentos vocais o levará à glória. Os três impressionantes, amigáveis e bagunceiros esquilos viram sensação quando contratados.

Lembro de quando assistia à Alvin e os seus desenhos, me divertia muito. Com certeza não dos momentos mais memoráveis e não foram personagens tão marcantes na minha vida pop, mas é inegável aquele sentimento nostálgico que você espera receber ao embarcar em uma sessão de um novo filme sobre aqueles personagens tão divertidos. O resultado, porém, foi tudo menos nostálgico, caindo completamente no termo de “filme burocrático”. Fica óbvio, ao fim da sessão, que todos queriam apenas lucrar com a imagem deles. Se eles achavam que tinham material bom, estavam terrívelmente enganados. Pior ainda, “ousam” fazer uma crítica à indústria da música sobre manipulação e aproveitamento, quando um personagem tenta lucrar em cima dos esquilinhos. O resultado não poderia ser mais hipócrita, pois ocorre o mesmo aqui com a produção.

Mas todos os momentos com apenas os esquilos funcionam muito bem. Esses momentos são na maioria descontraídos e focado apenas neles e em suas atrapalhadas. Acabam divertindo, principalmente por causa do design bem sucedido deles e das ótimas vozes por trás. Pena que não duram quase nada esses tais momentos, e são jogados sem muito cuidado pela sessão a fora. O clima espirituoso e de bom entretenimento logo da lugar ao mundos dos humanos chato e sem graça, com direito à tolos diálogos e personagens idiotas, incluindo o protagonista, que fracassa ainda mais com o apático Jason Lee o interpretando. Ele está muito ruim. Para piorar, um vilão tosco com David Cross, inútil.

Irregularmente as canções também chegam a irritar. Seria de se esperar que soassem divertidas e contundentes, mas não. Apesar das adoráveis vozes, elas caem no exagero e no excesso, overdose provavelmente provocada pela falta de criatividade do roteiro, completamente inconsistente. Mas ai vem a desculpa: “mas é um filme infantil!”. Não importa. Além de estarem subestimando a inteligência dos pais, e os irritando também, oferecem uma espécie de escapismo para a criançada sem magia ou valor sentimental, nada que possam levar consigos para depois da sessão. Alvin e os Esquilos provavelmente passará na sessão da tarde um dia, mas morrerá cedo e será esquecido pela sua incompetência.

Mas claro, aposto que muita criançada vai se divertir bastante, isto é, em pelo menos 25% do filme isto estará garantido. Afinal de contas, o resto é tudo baboseira e balbúrdias de adultos. Só espero que quem for ver, pais e filhos, não fiquem muito revoltados. Aposto que os filhos começarão a desviar o olhar para longe da tela em inúmeros momentos, enquanto os pais dificilmente serão cativados. Mais uma vez repito, o único forte está nos esquilos e a personalidade deles, o clima espirituoso que trazem ao filme, podem agradar e entreter. Pena que o diretor não percebeu isso e os roteristas ficaram ligados demais querendo ser “levados a sério” bolando críticas ao consumismo que caem no vazio. O filme, portanto, falha estrondosamente como cinema e como escapismo infantil. Realmente não recomendado, nem quando chegar em DVD. Sessão da tarde? Talvez.

alvin-and-the-chipmunks.jpg

[Alvin and the Chipmunks, 2007]
Diretor:
Tim Hill
Roteiristas: Jon Vitti, Will McRobb & Chris Viscardi, baseado nos personagens de Ross Bagdasarian
Elenco: Jason Lee David Cross Cameron Richardson Justin Long Matthew Gray Gubler Jesse McCartney
[Comédia, 92 minutos]

No Cine Pulp: Tudo Sobre Minha Mãe de Pedro Almodóvar

About these ads

Responses

  1. Bom eu ja devo ter escrito em outros coments por aqui que adoro filmes a esse etilo não! Mais esse foi um dos que nao me agradaram, fiz questão de acompanhar a propaganda feita em cima dele, os trailers etc… Mais não gostei e não está na minha lista de filmes a ver!

  2. Não fiquei nada curioso quando esse filme chegou nos cinemas, o estilo não me agrade nada. Talvez veja em DVD por causa do Jason Lee, que é um ótimo ator – mas sem expectativa alguma…

  3. Pelo ao menos é um filme livre para todas as idades, o que esta faltando hoje no cinema.

  4. Oi, Wally
    cara, nunca assisti a esse desenho, nem me lembro que passava ele… entãos em sessão nostalgia rpa mim, hehehe
    é dificil alugar desenhos, normalmente os que alugo são os mais bombados como shrek, o ratatouille ou a era do gelo, de vez em qdo um ou outro como desculpa pros meus irmãos assistitirem…rs….
    não to mutio ansioso pra ver esse desenho e depois da sua crítica diminuiu ainda mais, hehehe…
    talvez masi pelo elenco mesmo que tem o jason e o justin…
    abraços

  5. Eu não sei porque mas achei esses esquilos meio creepy, então nem fiz muita questão de assistir. E olha que eu confiro praticamente todos os filmes nesse estilo.

  6. Ah, mas eu não perco meu tempo com um filme desse nem fodendo!

  7. Já era de se imaginar…

    Abraço!!!

  8. Não conhecia o desenho no qual o filme se originou e tenho pena do Jason Lee. Como ele foi se envolver nessa bomba???

  9. Nossa, e eu achando que este filme ia ser simpático… :-(
    Vou passar a quilômetros de distância, pode apostar que sim.
    Abraço!

  10. Lucas, veja quando passar na sessão da tarde.

    Vinicius, Jason Lee sempre me agradou, mas ta apático nesse filme. Péssimo mesmo!

    Luis Fernando, talvez deveria ir mais ao cinema e baixar menos filmes, o que mais tem são filmes de classificação livre para a criançada.

    Rodrigo, o filme é bem fraquinho. Espere passar na sessão da tarde, ou talvez em DVD.

    Daniell, também gosto de conferir todos. Este não me agradou, mesmo.

    Ronald, antes eu pensasse como você. Mas tenho esse vício de querer ver de tudo e acabo me ferrando uma vez ou outra.

    Pedro, pior que é verdade.

    Kamila, não sei como, principalmente com o sucesso de seu seriado, mas ele ta muito ruim nesse filme. Apático ao extremo.

    Weiner, simpático com certeza não é. Talvez ache divertido, mas acho difícil. É bem fraquinho. Se tiver tempo, veja em DVD, se não, espere passar na sessão da tarde.

    Ciao!

  11. Bom, eu não conheço nada deles, E nunca conheci
    tenho apenas 11 anos
    Minha professora de portugues mandou eu assisti pra fazer um trabalho, Eu não gastaria dinheiro pra aluga um filme só pra assistir e jogar fora Então eu pesquisei na Web sobre eles
    Acho que seria chato e a voz deles me irrita quando eu tinha visto num site aki
    é .. Mais pelo menos meu subrinho gosta kkkkkkk

    Beijãaao

  12. quando eu assistir eu ache legal ,só que antes eu nem sabia que existia mais dexa é legal.
    bjãoooooooooooooooooooo

  13. e muito lega mas a parte que eu mas acho legal e quandoa o alven desenha e diz desse jeito o tamanho do traseiro do teodoro e muito legal e sse filme mas a parte que eu mas acho legal e essa

    bjs


Deixar uma resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

WordPress.com Logo

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Log Out / Modificar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Log Out / Modificar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Log Out / Modificar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Log Out / Modificar )

Connecting to %s

Categorias

Seguir

Get every new post delivered to your Inbox.

%d bloggers like this: