Publicado por: Wally | Domingo, Dezembro 2, 2007

Deu a Louca na Cinderela

 happily.jpg

Infelicidade satírica

Em um reino fantasioso de conto de fadas habitados por heróis, princesas e vilões, existe uma torre, na qual, bem no topo, pode-se controlar o destino do reino. Quando o mago responsável decide sair de férias, a tarefa de balencear o bem e o mal fica para dois desajustados ajudantes. Quando a madrasta malvada encontra o local, ele exerce domínio e um desejo insaciável para conquistar o reino junto com outros vilões.

Paródias são sempre bem vindas. É sempre bom presenciar um conto de fadas prazeroso e mágico, se aventurar em fantasias e se divertir, mas é também verdadeiro divertimento quando se tem uma visão bem humorada e satírica do óbvio e do convencional. Em questões de cinema, isto já bem sendo feito há muito tempo, sendo os exemplos mais recentes a serie Todo Mundo em Pânico e o hilário Todo Mundo Quase Morto, satirizando filmes de terror. No munda das animações, Shrek surgiu em 2001, trazendo um ar de originalidade e inspiração, como uma paródia inventiva e deliciosa sobre o mundo da Disney de contos de fadas. O que torna essa nova animação Deu a Louca na Cinderela um exercício tão ruim de cinema não e só o fato possuir um visual pobre, humor forçado e personagens chatos, mas por serguir uma espécie de livro de regras para se fazer uma paródio, copiando descaradamente de animações exemplares como Shrek e até mesmo o divertido Deu a Louca na Chapeuzinho. O problema aqui é a falta de originalidade.

happily2.jpgPrimeiramente, a animação se demonstra sendo terrívelmente inconclusiva e desnecessária. Possui boas referências e um mundo bem colorido e que pode vir a cativar a criançada, mas ainda seria uma escolha mais sensata rever qualquer filme do Shrek, até mesmo o terceiro, cuja trama possui muita haver com a de Deu a Louca na Cinderela. Para sermos completamente precisos, essa animação foi lançada antes de Shrek Terceiro e por isso, precisamos tratar como coincidência o fato de que na trama dos dois filmes, os vilões tentam tomar o reino e mudar o rumo de contos de fadas. Nesse sentido, Deu a Louca na Cinderela foi muito infeliz e azarento por ter sido menos visto e por chegar depois no Brasil, após já termos sido apresentados tal trama com uma animação bem mais esperta e contundente, apesar das falhas. Mas além das infelizes coincidências, ainda existem falhas demais para serem ignoradas na animação.

A começar, não há um personagen do qual você queira torçer. Eles exageraram tanto na paródia que a princesa ficou apagada e sem graça e o herói inconvenientemente chato e irritante. Como acontece na maioria das animações, os coadjuvantes possuem mais destaque. Os dois desajustados, apesar de tolos e completamente esteriótipados, até mesmo para uma sátira, são os únicos que conseguem produzir, no mínimo, sorrisos na audiência. As risadas não podem ser encontradas, dado o fato de que o roteiro foi muito fraco, a trama óbvia demais e as piadas forçadas ao extremo. Fica com isso, o visual, que também não cativa por ser pobre, não conseguindo caracterizar seus personagens devidamente, os tornando bem sem graça e apagados, algo que acontece especifícamente com a princesa, como já mencionado.

A intenções foram válidas, e as referências e habitual esperteza digna, mas é muito pouco, e as inconvenientes coincidências também não ajudam. É claro que uma criança pode vir a gostar do longa e se divertir, mas é ainda mais claro que ela ficaria bem mais feliz e contente vendo algo melhor e mais recompensador, tecnicamente e emocionalmente, já que esta animação se revela oca em emoções, humor válido ou até mesmo autênticas lições. A única intenção parece ser a de inverter o resultado dos contos de fadas, parodiando os que sempre vencem para favorecer os pouco valorizados. Até aí tudo bem, mas como já foi dito, não passa de intenções e o resultado é tão simplório, tolo e infeliz que o deixa com uma terrível vontade de simplesmente desmanchar o filme de sua memória. Se existe algo realmente recompensador no filme, é sua curtíssima duração de menos de 80 minutos. Realmente não aconselhável para maiores de 10 anos.

[Happily N’Ever After, 2007] de Paul Bolger e Yvette Kaplan. com as vozes de Freddie Prinze Jr., Sarah Michelle Gellar, Andy Dick, Jill Talley, Sigourney Weaver e Patrick Warburton. [Animação, 75 minutos]


Responses

  1. Estava dando uma olhada no seu mÊs de novembro- muito bom foi heim! e concordo em todos os aspectos com suas primeiras colocações. Coloquei la no blog o meu fechamento tb. falow!

  2. Geralmente gosto desse estilo iniciado por “Shrek” e trabalhado muito bem em “Deu a Louca na Chapeuzinho”, mas devo passar longe desse “Happily N’Ever After”, especialmente depois dessa sua opinião…

    Abraço!

  3. De cara o filme já me parece um grande deja vu. Mas que diacho que os roteiristas tem com “tendências”. _Vamos fazer filmes épicos? _Vamos fazer animações do fundo do mar? _E de pinguins?? _ Agora é hora de satirizar as fábulas e os contos de fada!!
    E depois o povo ainda faz greve… hum hum..
    Vai entender…

    Abs!

  4. Acho que essse estilo fake tentando imitar Shrek já saturou… Passo longe desse.

  5. Eu gosto da idéia por trás desse filme e concordo com você em certos pontos. Acho que a animação tem uma qualidade técnica horrorosa. Mas, discordo quando você diz que a gente não vai torcer por ninguém. O personagem do empregado do Príncipe faz a gente torcer por ele e querer que ele mostre à Cinderela o valor dele.

  6. Eu adorei o filme achei muito interdesante no final quando o principe paga o casamento da cinderela e do rick so tenho uma pergunta :Por que o principe pagou o casamento de cinderela sendo qu ele gosta- va dela mais que uma amiga? Mais fora isso que achei meio sem sentido adorei o filme e daria 5 estrelas nele.Gostaria de um favorzinho seu gostaria que respondesse a pergunta no meu e-mail.por favor.
    Carol

    Carol

  7. eu adorei esse filmne!!!!!!!!

  8. oi adorei


Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s

Categorias

%d bloggers like this: